Veias Abertas estuda questão indígena e terra

6 de Maio de 2016, por Elaine Tavares

 

Grupo de estudos sobre a terra
Grupo de estudos sobre a terra

O grupo Veias Abertas, coordenado pela professora Beatriz Paiva, é um espaço político-acadêmico da área do Serviço Social, que visa reunir estudantes da graduação e pós-graduação, além de profissionais, militantes sociais e docentes, para articular e potencializar projetos de pesquisa e extensão, vinculados institucionalmente ao IELA/UFSC, nos temas relacionados à questão social, trabalho e políticas públicas, sempre com uma mirada latino-americana.

Muitas são as vertentes do projeto, que atualmente conta com projetos de pesquisa sobre a questão social e dois grupos de estudo específicos. Um discute de maneira particular a problemática indígena e é formado por alunos indígenas da UFSC , juntamente com estudiosos do tema. 

O outro grupo, formado por estudantes de pós-graduação trabalha o tema terra e questão agrária, lendo os clássicos sobre a formação do capitalismo e a renda da terra, além de discutir a questão na atualidade. 

No centro da preocupação do coletivo Veias Abertas está o anseio político e investigativo de garantir uma análise profunda das particularidades da produção e reprodução capitalista no continente latino-americano, a partir do legado teórico-político da Teoria Marxista da Dependência, bem como do estudo das condições concretas das políticas sociais na sociedade brasileira, incluindo a realização de projetos de extensão, cujo caráter prima pelo fortalecimento do protagonismo popular, em diferentes segmentos populacionais, porém, sempre vincados na luta contra a opressão.

Por conta disso, está em curso um trabalho de formação de jovens indígenas, em cinco regiões do país, para a produção de material audiovisual que dê conta da divulgação de suas culturas e das demandas de seus povos.

Ao aprofundar o debate sobre a acumulação primitiva do capital, que se deu com a apropriação das terras por uns poucos e os consequentes desdobramentos na questão agrária, o Coletivo Veias Abertas acaba articulando de maneira concreta dois dos mais importantes temas do Brasil atual: a renda da terra e a questão Indígena. 

Para participar de qualquer um dos grupos de estudo basta entrar em contato com o iela, no correio: iela@contato.ufsc.br

Professora Beatriz Paiva coordena o trabalho
Professora Beatriz Paiva coordena o trabalho