A crise na Ford e a centralidade do trabalho