CIRCULA exibe "Tocaia no Asfalto"

19 de Agosto de 2019, por IELA

Arte de Guilherme Evangelista.
Arte de Guilherme Evangelista.

O Circuito de Cinema Latino-Americano e Caribenho Alí Primera (CIRCULA,) organizado pelo Instituto de Estudos Latino-Americanos (IELA-UFSC), apresenta na terça-feira (20/08), às 18:30, o filme "Tocaia no asfalto". O longa brasileiro é um drama dirigido por Roberto Pires, fazendo parte do histórico circuito baiano de cinema (1959-1962), exemplar do Cinema Novo. Glauber Rocha e Roberto Pires trabalharam diversas vezes juntos, como na produção de Barravento e Idade da Terra. Neste filme, Glauber é creditado como coordenador de produção.
"Tocaia no asfalto" é um filme característico de Roberto Pires. O drama traz diversos temas nacionais como o debate da relação de trabalho da prostituição, a religião e principalmente a violência, sendo ela pelo Estado ou pelo pistoleiro de aluguel, de maneira novelesca: com humor e romance. Além disso, por se passar na Bahia, monumentos como o Farol de Itapuã, a Igreja de Santa Luzia, a Igreja de São Francisco e o Cemitério Campo Santo, em Salvador, são cenários importantes do filme. A exibição será no Auditório do Centro Socieconômico na UFSC e logo após ocorrerá debate sobre a temática levantada.

Confira a sinopse:
Rufino é um pistoleiro de aluguel alagoano, religioso, que diz que entrou para a vida de crimes depois de se vingar da morte brutal do irmão. Ele é contratado por um político baiano, o coronel Domingos, para matar o adversário dele e candidato a Governador do Estado, o Coronel Pinto Borges, como vingança pois era suspeito da morte do aliado, Coronel Sebastião Veloso. Rufino é enviado a Salvador e se hospeda no prostíbulo de Dona Filó e acaba por iniciar um romance com a prostituta Ana Paula, ex-amante do violento Luciano, proxeneta e ex-policial.

O QUE? Exibição de "Tocaia no asfalto" (Brasil)
QUANDO? Terça-feira, 20/08, às 18:30
ONDE? Auditório do Centro Socioeconômico (CSE).
Entrada livre.